Loading...
 
CÉUS — CÉU

VIDE: CÉU E TERRA; INFERNO E PARAÍSO; SUBIR AO CÉU; BABEL; CAMINHO DO CÉU; REPRESENTANTE DO CÉU

CRISTOLOGIA: CÉU

PERENIALISTAS
René Guénon: Tríade: Céu Terra Homem

Roberto Pla: Evangelho de Tomé - Logion 11

O que diz em definitivo o logion é que não só é transitório o céu senão também o céu dos céus. Daí que na revelação interior do Filho do homem, que sim é eterno, se diz que virá "sobre as nuvens do céu" (Mt 24,30), expressão com a qual se significa que tal contemplação ou revelação não será possível sem ultrapassar antes a névoa ou nuvem de enigma sobre a qual cavalga a luz pura do Filho do homem. Por outra parte, se afirma que a residência do Filho do homem se acha ainda mais alta que a nuvem do céu dos céus (Hb 7,26), quer dizer, na esfera do Ser, onde a Vida é eterna e não há de passar.

TAO: ChuangTzu: O influxo do céu

FILOSOFIA
Platão: FEDRO (247b-247e)

Michel Henry: EU SOU A VERDADE
A adição "aquele do Céu" não é sem interesse. Sem dúvida esta expressão é suficiente para desqualificar o cristianismo aos olhos dos homens de nosso tempo que são os crentes do mundo. Na verdade do mundo o céu não designa senão uma parte deste mundo, aquela que exploram os cosmonautas. Fora deste "céu" tornado domínio da ciência, nada mais responde a este termo. O "Céu" do cristianismo nada mais é que o vazio, um lugar imaginário além do mais, aquele da satisfação fantasmática de desejos não realizados aqui em baixo. A conexão constante que estabelece ao contrário o discurso do Cristo entre o Pai e o Céu dá a este o valor de um conceito rigoroso. É o conceito da Vida que não aparece em nenhum mundo e não se revela senão nela mesma. Em seu auto-engendramento absoluto, ela é o Pai cujo Cristo é o Filho. Porque, em seu discurso sobre ele mesmo, o Cristo se pensa como este Arque-Filho co-engendrado no auto-engendramento da Vida absoluta, ele não pode senão rejeitar radicalmente a ideia de sua genealogia humano-mundana, e ele o faz de diversas maneiras acordadas cada vez à astúcia e estupidez de seus interlocutores.

Online Users

1 online user

Responsável

Murilo Cardoso de Castro
Doutor em Filosofia, UFRJ (2005)