Carregando...
 
id da página: 707 PROODOS = PROCESSÃO, MARCHA DO NÃO-CRIADO ÀS ENERGIAS PARTICIPÁVEIS
PHILOKALIA-TERMOS — PROODOS = PROCESSÃO, MARCHA DO NÃO-CRIADO ÀS ENERGIAS PARTICIPÁVEIS

VIDE: GENESIS

Philokalia

Versão francesa
Caminho do não-criado (ageneton), da essência inacessível até as energias participáveis.

Nos seus termos mais gerais a "progressão" é a tentativa do platonismo tardio para resolver as dificuldades parmenidianas da unidade e da pluralidade. Se o Uno (hen) é transcendente (hyperousia), donde a subsequente pluralidade do cosmos.

Perenialistas

Segundo Christophe Andruzac, a Sabedoria hindu distingue no seio do divino um polo determinativo de um polo receptivo. É certamente no polo receptivo que reside o Si: rejuntar-se a seu Si significa rejuntar-se ao polo de acolhida, o polo receptivo — é o Verbo Divino. Este par Brahma-Shakti Receptividade-Determinidade não deixa de lembrar de certa maneira a divisão potência-ato; dela constituirá de alguma forma o analogado supremo. O par Prakriti-Purusha será então como (sublinhamos com itálico) a primeira e a mais universal processão divina ad extra, processão que não se termina nem ao mesmo grau principial do divino (se trataria de uma processão ad intra) nem em um ser qualquer do mundo manifestado, mas no princípio mesmo de toda Manifestação.


Ananda Coomaraswamy: PROCESSÃO

Filosofia

Plotino: ENÉADA IV 8 (6) 6PROCESSÃO

LÉXICOS: TRADIÇÃO FILOSÓFICA GREGA

Dispositivos móveis

Online Users

1 usuário on-line

Responsável

Murilo Cardoso de Castro
Doutor em Filosofia, UFRJ (2005)
Mostrar mensagens de erro do PHP